Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 22 de novembro de 2016

ANTIBIÓTICOS: O FUTURO É AGORA!

DIA EUROPEU DOS ANTIBIOTICOS - 18 Novembro 2016

 ANTIBIÓTICOS: O FUTURO É AGORA!

(partilha de folheto, apresentação e cartaz no final do artigo)
A resistência aos antibióticos é um grave problema de saúde pública na Europa, constituindo-se como um importante problema de segurança do doente.
Segundo o European Centrefor Disease Prevention and Control (ECDC) as taxas de resistência aos antibióticos estão a aumentar, constituindo uma forte ameaça à eficácia presente e futura dos antibióticos, sendo emergente a adoção de medidas para inverter esta tendência.
A incorreta utilização dos antibióticos é um dos principais fatores que promovem o desenvolvimento de resistências aos antibióticos nos hospitais, considerando-se fundamental o envolvimento dos prescritores nesta causa. Os médicos devem ter conhecimento das recomendações do ECDC para a prescrição de antibióticos, nomeadamente:

  1. a obtenção de culturas antes do início da terapêutica empírica com antibióticos;
  2. o conhecimento dos padrões locais de resistência aos antibióticos, e; 
  3. a consulta de especialistas nas tomadas de decisão terapêutica: infeciologistas, microbiologistas, e farmacêuticos.

O ECDC alerta que “a comunicação com os doentes é a chave”.

A informação fornecida pelos profissionais de saúde tem um forte impacto sobre a perceção e atitude do utente em relação à sua doença e à necessidade de tomar antibióticos
Neste sentido, dia 18 de Novembro assinalou-se o dia europeu dos antibióticos, uma iniciativa europeia que visa promover o uso racional de antibióticos, bem como sensibilizar os profissionais de saúde, os utentes, e a população em geral para esta problemática. Poderá consultar outros documentos alusivos ao tema nos seguintes links:
Neste dia comemorativo, o Grupo Coordenador Local do Controlo de Infeção e de Prevenção a Resistência aos Antimicrobianos (GCLCIPRA) do Centro Hospitalar de Setúbal (CHS) dinamizou uma campanha de sensibilização para o uso racional dos antibióticos junto dos utentes, através da entrega de folhetos e da projeção de conteúdos informativosna rede interna de TV’s nas salas de espera. Foi ainda realizado e distribuído um cartaz dirigido aos médicose enfermeiros, com vista a promover o uso adequado dos antimicrobianos. (clique nos link's para aceder aos documentos).

A utilização racional de antibióticos pode prevenir a emergência e seleção de bactérias resistentes aos antibióticos.

Para mais informações poderá aceder ainda aos seguintes documentos:
  • PORTUGAL-Prevenção e Controlo de Infeções e de Resistência aos Antimicrobianos em Números. DGS, 2016;
  • EARS-Net surveillance data. ECDC, 2015;
  • ESAC-Net surveillance data. ECDC, 2015;
  • HALT-2. ECDC, 2014.
Felisbela Barroso e Verónica Florêncio
Enfermeiras do GCLCIPRA/CHS

Sem comentários:

Enviar um comentário