Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 1 de maio de 2014

Incidentes de Segurança do Doente. Porquê Relatar?

Na última década, verificou-se uma preocupação crescente dos profissionais e instituições de saúde, pelas questões associadas à segurança dos doentes e vários estudos revelaram ao mundo que nos hospitais os incidentes associados aos cuidados de saúde são frequentes. O relatório “To Err is Human” reforçou a evidência de que ocorriam cerca de dez eventos adversos, em cada 100 episódios de internamento e que 50% destes, poderiam ter sido evitados. Em Portugal um estudo epidemiológico sobre eventos adversos em contexto hospitalar levado a cabo pela Escola Nacional de Saúde Pública, evidenciou em 2010 uma taxa de incidência de 11,1%.

Torna-se evidente a necessidade de uma intervenção global nas questões da segurança do doente, pelo que, a organização Mundial de Saúde lançou vários desafios, sendo um deles a criação e implementação de Sistemas de Relatos de Incidentes nas organizações de saúde. A principal finalidade destes sistemas é a partilha e aprendizagem com os erros de forma a encontrar soluções para a sua prevenção.

Este artigo tem como objetivo apresentar a experiência do Centro Hospitalar de Lisboa Central na implementação de um sistema de relato de incidentes de segurança do doente ao longo de treze anos.
Pode aceder ao artigo aqui: http://repositorio.chlc.min-saude.pt/handle/10400.17/1662


AutoresSusana Ramos e Lurdes Trindade
Contato: susana.ramos@chlc.min-saude.pt; mlurdes.trindade@hsmarta.min-saude.pt

3 comentários:

  1. Olá
    Pois parce-me que o link não estará a funcionar....
    Aguardámos pela implmentação das necessárias medidas correctivas, não só para resolver este incidente mas também para evitar que situações idênticas se possam repetir no futuro.... :-)

    Cumprs
    Augusto

    ResponderEliminar
  2. Meu Caro Amigo Augusto. Só tu para me pores a rir logo pela manhã.
    Acabo de testar "novamente" o link e consigo aceder sem problemas.
    Parece que é o meu Amigo que tem de "Analisar as Causas Raiz" que impedem o seu acesso à informação.
    Um forte Abraço

    ResponderEliminar
  3. Olá Amigo Fernando

    Pois bem, por aqui o registo e análise de Incidentes está «tão à frente» que o hipotético «problema» se resolveu mesmo sem análise de causa raíz...:-)

    Agora mais a sério, já li o artigo e apesar de, por cá, termos uma história mais pequenina, revejo-me em muitos dos «passos» nela relatados.

    Também fiquei agradado por, com esta «história», ter constatado que a «nossa história» também tem «coisas engraçadas» a contar.
    Quem sabe um dia «falo delas»....

    Um abraço
    Augusto

    ResponderEliminar